skip to main | skip to sidebar

O EPITÁFIO


Elder Ferreira

Introspectivo - Conto

Deite-me em teu corpo e faça de mim e seu suor um fluxo. O caminho que sai e não retorna. Não te toco, mas olho teu corpo, os detalhes, o que queres esconder de mim e não consegue. E deliro sem a posse. Amo-te carnalmente e grito por ti em minha cabeça louca. Encostando involuntariamente meu corpo ao teu tenha tantas sensações. Paro e percebo que evitas contato. Estou perdido. O desejo se banha em teu corpo e salto em ti alucinadamente, sussurrando, gemendo, pulando de sonho em sonho, enquanto nem sentes a mim. A distância que nos separa são as ofegantes respirações. Querendo te tomar acabei esquecendo ao que vim e me faço apenas para ti. E permaneço ao teu lado.

Nenhum comentário: