skip to main | skip to sidebar

O EPITÁFIO


Elder Ferreira

No caminho de tuas artérias - Poesia

Hoje posso gritar, relembrar e sorrir
De quando entrei tempo antes em ti...
E encontrei onde devia ser amor
A mensagem pós-escrita: "Dói-me o que não ressuscita!"

Voltei só de tão atordoado caminho,
E ainda pensando no fado e o vinho
Puro que escorria de tua apaixonada boca,
Lembrei que ainda podia estar louca e calei.

Nenhum comentário: